in , ,

Fim das produções: O adeus de 5 motos da Honda e Yamaha, incluindo Super Hawk, para a tristeza dos motoqueiros

Algumas montadoras deram cartão vermelho para motos queridinhas

Hoje vamos destacar 5 motos da Honda e Yamaha, incluindo a Super Hawk que deram adeus, para a tristeza dos motoqueiros. Seja por estratégia das montadoras ou por queda nas vendas, os motivos para o fim das produções são os mais variados.

O primeiro adeus foi da Super Hawk – Firestorm, que era tão fascinante quanto a concorrente Suzuki TL 1000S da Yamaha, tendo um motor de dois cilindros em V e 110 cv, mas não rolou.

SAIBA MAIS! Na casa dos 10 mil, o maior pesadelo da Honda e +: 5 motos arrasadoras da Yamaha chegam em 2024 com precinho

De acordo com informações do portal Moto Online, a moto Honda apostava até em outras inovações, como garfo e amortecedor HMAS (Honda Multi-Action System). Inclusive, ela também deu início a novos conceitos, tendo o motor junto do braço oscilante parafusado diretamente.

Ocorre que tamanha novidade conseguiu ficar apenas um ano sendo comercializada no Brasil e depois saiu de linha. Lançada em 1997, deu seu até logo em 1998, tendo uma passagem relâmpago.

Super Hawk deixou saudades (Foto: Reprodução / Internet)
Super Hawk deixou saudades (Foto: Reprodução / Internet)

Já a XR 650 também da Honda, até hoje é lembrada com muito carinho, mesmo tendo sido produzida por apenas dois anos, entre 1997 e 1998.

XR 650 da Honda (Foto: Reprodução / Internet)
XR 650 da Honda (Foto: Reprodução / Internet)

A Yamaha RD 350, a ‘viúva negra’, foi outra que fez história. Lançada no final dos anos 80 e produzida até metade dos anos 90, ela marcou o início de uma nova era para a marca aqui no Brasil, onde também deixou os motoqueiros desolados com o fim de suas produções.

Yamaha RD 350 (Foto: Reprodução / Internet)
Yamaha RD 350 (Foto: Reprodução / Internet)

QUAIS OUTROS MODELOS DEIXARAM SAUDADES?

A Super Ténéré 1200 da Yamaha, saiu de linha por conta das normas de emissão de poluentes. Ela foi uma das mais desejadas por motociclistas durante seus dez anos de produção aqui no Brasil, segundo informações da Revista Moto.

Super Ténéré 1200 da Yamaha saiu da linha (Foto: Reprodução / Internet)
Super Ténéré 1200 da Yamaha saiu da linha (Foto: Reprodução / Internet)

Por fim tem a Suzuki TL 1000S, que tinha muitos atributos interessantes, incluindo o poderoso motor de 2 cilindros em V capaz de levar a moto (de apenas 180 kg) até os 250 km/h de velocidade final.

Porém, a moto não foi o suficiente e não empolgou. Mesmo ficando 6 anos em produção, vendeu pouquíssimas unidades nos 6 anos de sua produção, que vendeu pouquíssimas unidades.

Suzuki TL 1000S não empolgou (Foto: Reprodução / Internet)
Suzuki TL 1000S não empolgou (Foto: Reprodução / Internet)

QUAL É A MOTO MAIS BARATA DA YAMAHA?

A NEO 125, uma scooter econômica e leve, destaca-se como a moto mais barata da Yamaha, com um preço em torno de R$ 13 mil reais, segundo o Motoonline.

https://youtu.be/D_vQ2SiFbsY?si=–x-jMBHGWwEKt4h

 

 

The post Fim das produções: O adeus de 5 motos da Honda e Yamaha, incluindo Super Hawk, para a tristeza dos motoqueiros appeared first on TV Foco.

Queda precoce, ressecamento e mais: 7 dicas milagrosas para mulheres salvarem o cabelo dos terrores do verão

Urgente: Lula acaba de APROVAR nova VACINA para doença que mata milhões e não é COVID-19